Informações sobre a Paróquia

Arquidiocese de Santa Maria de Belém do Grão Pará
Paróquia Nossa Senhora de Fátima - Santuário de Fátima
CNPJ: 02.537.502/0001-81

Endereço: Rua Antonio Barreto, 2167 - Fatima
CEP: 6606-020 (Belém/PA - Brasil)
Email: santuariodefatimaf.belem@gmail.com
Telefones: (91) 3228-0864 / (91) 3226-0503

Horário de funcionamento para atendimento ao público
De Segunda a Sexta: 8h00 às 12h00 / 14h00 às 18h00
Sábado: 8h00 às 12h00

Santa Missa
Domingo: 6h45, 8h30, 17h30 e 19h30
Segunda a Sexta: 18h30
Sábado: 17h30

Pároco: Mons. Raimundo Possidônio Carrera da Mata
Vigário: Pe. Márcio José Sousa Motta

Páginas

█║▌│█│║▌║││█║▌║▌│║▌│█

© BlOG OFICIAL ®

CONVITE - JANTAR

Jantar dedicado às mães
# Festividade de Fátima 2013

Data: 10 de maio - Sexta feira

Hora: A partir das 20h00

Local: Fátima Recepções & Eventos

Valor da cartela: R$ 30,00

Cardápio: Filé, Camarão ou Peru

Atração musical: Ivana e kassio


Visitantes pelo mundo

AVISOS PAROQUIAIS

TERÇO DE RUA (CONTINUAÇÃO)
Dias: 27 e 28 de abril de 2013 - Sábado/Domingo
Hora: 19h30
Locais: Setores de Missão V e VI


SANTA MISSA E RETORNO DAS IMAGENS DE N. SRA. DE FÁTIMA - PEREGRINAÇÕES NAS FAMÍLIAS
Dia: 28 de abril de 2013 - Domingo
Hora: 17h30
Local: Santuário de Fátima


CELEBRAÇÕES PENITENCIAIS
Dias: 29 e 30 de abril de 2013 - Segunda/Terça
Hora: De 18h30 às 21h30
Local: Santuário de Fátima


FESTIVIDADE DE NOSSA SENHORA DE FÁTIMA 2013
DE 01 A 13 DE MAIO
"No ano da Fé: Quereis oferecer-vos a Deus?"

Cerimônia de Abertura dos festejos - 01 de maio
-17h00: Hasteamento das bandeiras do Brasil, Pará e Portugal na Praça do Santuário

-17h30: Procissão de Abertura

-19h00 (Aprox.): Santa Missa Solene presidida por Dom Vicente Zico, Arcebispo Emérito de Belém/PA.






Fonte: Calendário Paroquial 2013

Liturgia Diária - Leituras Bíblicas

quinta-feira, 19 de maio de 2011

CHEGAMOS AOS 4 MIL ACESSOS!

A Paróquia de Nossa Senhora de Fátima agradece a todos vocês que colaboram conosco apreciando este humilde Blog... São 4.000 acessos!





"Por fim, o meu Imaculado Coração triunfará"
(N. Sra. de Fátima)

Presbíteros que celebraram as Missas durante os Festejos de Fátima 2011

A convite de nosso Pároco, Mons. Cid, foram convidados alguns presbíteros de nossa Arquidiocese e de outros lugares também, para presidirem algumas celebrações durante os Festejos deste ano, em honra da Virgem de Fátima.


Domingo: 01 de maio - Missa Solene de abertura (Praça do Santuário de Fátima)
Mons. Cid - Nosso Pároco

2ª feira: 02 de maio
- Santuário de Fátima - Missa das 19h00
Pe. Otmar Schwengher SJ - Secretário Nacional do Apostolado da Oração

3ª feira: 03 de maio - Santuário de Fátima - Missa das 19h00
Pe. Agostinho Cruz - Pároco da Paróquia S. João Batista e N. Sra. das Graças (Icoraci)

4ª feira: 04 de maio - Santuário de Fátima - Missa das 19h00
Pe. José Ramos, CRSP - Reitor da Basílica-Santuário de Nazaré (Nazaré)

5ª feira: 05 de maio
Santuário de Fátima - Missa das 08h30
Pe. Manoel de Jesus - Colégio Salesianos do Trabalho (Pedreira)

Santuário de Fátima - Missa das 19h00
Pe. Ederaldo Silveira - Pároco da Paróquia de N. Sra. da Divina Providência (Val-de- Cães)

6ª feira:06 de maio - Santuário de Fátima - Missa das 19h00
Mons. Marcelino Ferreira - Vigário Geral da Arquidiocese e Pároco da Paróquia Santa Terezinha do Menino Jesus (Jurunas)

Sábado: 07 de maio - Santuário de Fátima - Missa das 19h00
Pe. André

Domingo: 08 de maio - Santuário de Fátima - Missa das 19h00
Fr. Juan Antonio - Vigário episcopal da Região Sta. Maria Goretti e Pároco da Paróquia São José de Queluz (Canudos)

2ª feira: 09 de maio
- Santuário de Fátima - Missa das 19h00
Pe. Rafael Brito - Pároco da Paróquia do Sagrado Coração de Jesus (Júlia Seffer)

3ª feira: 10 de maio - Santuário de Fátima - Missa das 19h00
Mons. Cid - Nosso Pároco

4ª feira: 11 de maio - Santuário de Fátima - Missa das 19h00
Pe. George Jenner - Pároco da Paróquia N. Sra. de Fátima (Icoraci)

5ª feira: 12 de maio
Santuário de Fátima - Missa das 12h00
Pe. Lucivaldo Corrêa - Pároco da Paróquia de N. Sra. de Lourdes (40 Horas)

Santuário de Fátima - Missa Solene das 19h00 (Procissão das Velas após a Celebração)
Dom Vicente Zico - Arcebispo emérito da Arquidiocese

6ª feira: 13 de maio (Dia da Padroeira)

Santuário de Fátima - Missa Solene das 12h00
Pe. José Gonçalo - Cura da Sé, Vigário episcopal da Região Sant'Ana e Pároco da Paróquia N. Sra. da Graça (Catedral Metropolitana).

Santuário de Fátima - Missa Solene das 19h00
Pe. Ednaldo Ferreira - Nosso Pároco

Sábado: 14 de maio
- Santuário de Fátima - Missa das 19h00
Pe. Vladian - Reitor do Seminário maior Arquidiocesano São Pio X

Domingo: 15 de maio
Santuário de Fátima - Missa das 7h00 (Rede Nazaré de Comunicação)
Pe. Lindomar

Santuário de Fátima - Missa Solene das 19h00 - Encerramento
Pe. Vladian - Reitor do Seminário maior Arquidiocesano São Pio X


Obs: Os outros horários de missa durante a Festividade foram divididos entre o Pároco e o Vigário.

quarta-feira, 18 de maio de 2011

Paróquia de Fátima completa 44 anos de criação

No dia 13 de maio deste ano, durante as missas realizadas dentro do período dos Festejos no Santuário de Fátima, foi também celebrado os 44 de fundação da Paróquia N. Sra. de Fátima.

A Paróquia de N. Sra. de Fátima foi criada no dia 13 de maio de 1967, pelo decreto de ereção do Exmo. e Revmo. arcebispo de Belém/PA na época, Dom Alberto Ramos.

Vejamos a seguir o decreto:


DOM ALBERTO GAUDÊNCIO RAMOS
por mercê de Deus e da Santa Sé Apostólica
ARCEBISPO METROPOLITANO DE BELÉM DO PARÁ

Decreto de Ereção da Paróquia de Nossa Senhora de Fátima

Considerando que, hoje, a Cristandade comemora piedosamente o cincoentenário de Maria Santíssima em Fátima e o Santo Padre Paulo VI se desloca a Cova da Iria como humilde peregrino;
considerando que nesta Arquidiocese ainda não existe nenhuma Paróquia dedicada a essa invocação mariana, tão popular e tão oportuna;
considerando que há mais de dois anos, uma parte do antigo território da Paróquia de Nossa Senhoa de Nazaré, vem sendo curada por um sacerdote, já com outro arquivo paroquial separado e com o objetivo de ereção de uma nova paróquia, por solicitação do próprio Revmo. Sr. Vigário de Nazaré, que declarou não dispor de sacerdotes suficientes para cuidar das almas de tão amplo território;
considerando que convém tornar jurídica essa situação de fato;
e que existe suficiente "causa canônica", tanto pelo número de paroquianos, como pela dificuldade que eles experimentam de frequentar a Igreja Matriz;
e que o Cabido Metropolitano já deu o consentimentoe os Revdos. Vigários limítrofes foram ouvidos;
HAVEMOS POR BEM, eregir como de fato eregimos a PARÓQUIA NOSSA SENHORA DE FÁTIMA, nesta Arquidiocese, que terá como 1ª Igreja Matriz provisória, a Capela de Nossa Senhora da Divina Providência, construída a expensas do povo em terreno que pertenceu à Paróquia de Nossa Senhora de Nazaré e que depois foi doado pela Arquidiocese de Belém às Religiosas Angélicas de São Paulo.
Os limites da nova Paróquia partem do lado esquerdo da Avenida Almirante Barroso, pela Travessa Vileta até a Avenida Visconde de Inhaúma, continuando pela margem do Igarapé do Galo até o prolongamento da Travessa 3 de maio, continuando por esta até a Rua João Balbi, descendo por esta até a Avenida 25 de setembro, percorrendo pequeno trecho desta e entrando na Travessa Jutaí que percorre até o ponto inicial na Avenida Almirante Barroso.
Os fiéis residentes na área demarcada por esses limites procurem cooperar com o Revmo. Vigário que for por nós designado, acatando-lhes as determinações, afim de que a nova Paróquia possa promover a evangelização do povo e de toda comunidade paroquial sendo já uma porção predileta das graças divinas.

Dado e passado na Cúria Metropolitana de Belém, aos 13 de maio de 1967.


+ Alberto Ramos
Arcebispo de Belém




Antiga Igreja de Fátima na Tv. Antonio Baena

Santuário de Fátima na Rua Antonio Barreto


Fonte: Livro Tombo da Paróquia de Fátima

sexta-feira, 13 de maio de 2011

Procissão das Velas 2011: Chuva não tira obrilho da Procissão (O Liberal)

Fátima

Com velas nas mãos, fiéis louvaram Nossa Senhora pelas ruas do bairro


A Procissão da Velas em homenagem à Nossa Senhora de Fátima, ontem à noite, com cerca de 300 mil fiéis, percorrendo 2,9 quilômetros pelas ruas do bairro homônimo, superou o "mau tempo", ou seja, a chuva forte que caiu sobre Belém e, em particular, constituiu-se em um libelo contra a violência, a favor da paz no mundo. A procissão, a segunda maior do Estado, perdendo apenas para o Círio de Nazaré, reuniu uma multidão com velas nas mãos simbolizando a presença de Deus, e foi precedida por missa solene concelebrada pelo arcebispo emérito de Belém, dom Vicente Joaquim Zico, e pelo pároco de Fátima, monsenhor Raimundo Possidônio, no Santuário de Fátima, na avenida Duque de Caxias com a Antônio Barreto. Na manhã de hoje, Dia de Nossa Senhora de Fátima, haverá missa na sede da Câmara Municipal de Belém, a partir das 9 horas, e procissão no Conjunto Guajará 1.

Cerca de 300 mil pessoas homenagearam a Virgem de Fátima

"Eu perdi meu marido há 19 anos e meu filho há 16 anos, e Nossa Senhora sempre me deu força para prosseguir na vida", afirmou a devota Dalila Santos, 65 anos, durante a procissão que teve todo seu trajeto sonorizado a partir do Santuário de Fátima e contou com o carro dos Anjos, um carro dos Milagres em forma de barco e o andor com a imagem da santa em cima de uma viatura da Polícia Rodoviária Federal (PRF). "É uma honra muito grande conduzir a viatura transportando a imagem", declarou o policial rodovíário Edmilson Parente, 63 anos de idade e 37 de PRF. Aos 66 anos de idade, a devota Estefânia Neyrão pediu "pela paz no mundo, pelas famílias, pela proteção dos jovens diante da droga e do crime e para que os nossos governantes atuem com justiça e amor". "A maior graça alcançada por mim e pela minha mulher (Alexssandra Landim) são nossos dois filhos, um menino de oito anos e uma menina de seis anos, depois de cinco anos sem que ela engravidasse", externou o comerciante Vicente Granjeiro, 38 anos.

A Procissão das Velas começou em 1966 saindo do então bairro da Matinha até a Basílica de Nazaré, mas em 1996 passou a sair do Santuário de Fátima fazendo o percurso atual de cerca de três quilômetros: Antônio Barreto, Alcindo Cacela, Domingos Marreiros, Castelo Branco, Boaventura da Silva, José Bonifácio e retorno ao santuário. No trajeto, Nossa Senhora recebeu homenagens no Forte do Pescado, Comouter Store, Unimed Belém, Quartel da Polícia Militar na travessa Castelo Branco e no Supermercado Formosa, além de fogos de artifício nas ruas e velas acesas e casas decoradas pelos fiéis. Às 19 horas de hoje, no Santuário de Fátima, acontece a Coroação de Nossa Senhora de Fátima.


Fonte: Jornal O Liberal (Edição de 13/05/11)

Procissão das Velas 2011: Nem a chuva apagou a fé (Diário do Pará)

Nem a chuva apagou a luz de cerca de 300 mil fiéis que percorreram as ruas do bairro de Fátima, na tradicional Procissão das Velas, que teve como tema “Maria, ensina-nos a escutar e anunciar a palavra do Senhor”.

A procissão, que ocorreu na noite de quinta-feira (12), deu encerramento à festividade que homenageia Nossa Senhora de Fátima. Como demonstração de fé, a maioria dos fiéis acompanhou a procissão segurando guarda-chuvas, para não apagar as velas que iluminavam a imagem de Nossa Senhora, coberta de rosas brancas, com pétalas vermelhas.

Na procissão, que é a segunda maior de Belém - atrás apenas do Círio de Nazaré -, muitos fiéis pagavam promessas, entre eles estava Isabel Silva, 66 anos, que caminhava com uma vela de um metro e 80 centímetros como agradecimento pelo emprego do filho. “Essa vela tem o tamanho dele. Pedi pelo emprego e consegui. Nossa Senhora é maravilhosa todos os dias, não somente quando pedimos alguma coisa”.

Até mesmo de cadeira de rodas, Neuza Dias, 51 anos, acompanha a Procissão das Velas há sete anos para agradecer pela vida. “Já vivemos com tantas dificuldades, que não peço nada, só agradeço por todos os meus dias aqui na terra”.

AGRADECIMENTOS


Agradecendo pela chegada do filho, que hoje tem um ano, o casal Eneida Guimarães e José Garcia homenageou Nossa Senhora, com o pequeno João vestido de anjo. “Como minha gravidez foi complicada, só quero agradecer por ele ter vindo com saúde, graças a essa bênção que ela me concedeu”.

Para o padre Raimundo Possidônio, pároco da Igreja de Nossa Senhora de Fátima, a procissão deste ano foi considerada especial por conta da chuva. “Mesmo debaixo d’água todos saíram nas ruas e foi uma imensa demonstração de fé”. Possidônio ressaltou ainda que as velas são para iluminar os corações dos fiéis. “Queremos transmitir uma mensagem de paz, de carinho e devoção”.

Para dar esse ensinamento aos dois netos, a aposentada Maria Teixeira, 68 anos, que participa da procissão há 10 anos, contou que antes levava seu filho e que ontem chegou a vez dos netos. “Meu filho foi pra Procissão das Velas quando tinha seis meses e desde então sempre acompanha nossa santa. Agora eu passo o exemplo para meus netos e assim espero que eles sigam a tradição”.

PARTICIPANTES

Segundo o major Daniel Ribeiro, da 2ª Zona de Policiamento (Zpol), a estimativa é de que este ano a procissão tenha recebido cerca de 300 mil fiéis. Durante a caminhada, cerca de 150 policiais militares fizeram a segurança no local e não registraram nenhuma ocorrência.



Fonte: Jornal Diário do Pará (Edição de 13/05/11)

Procissão das Velas em honra de N. Sra. de Fátima


A tradicional Procissão das velas é realizada pela Paróquia N. Sra. de Fátima todos os anos no dia 12 de maio, no período dos Festejos em honra de sua padroeira.

Desde a sua criação a Paróquia vem desenvolvendo trabalhos de evangelização e no início da gestão do Pe. Dileno Lopes alguns paroquianos começaram a fazer novenas nas casas levando a imagem de Nossa Senhora com velas acesas e a cada ano esta prática foi se expandindo. Por alguns anos, esses devotos se deslocavam em Procissão até a Basílica de N. Sra. de Nazaré. Com a chegada do Pe. Antonio Oliveira, o percurso começou a ser feito de forma inversa, ou seja, saindo da Basílica de Nazaré para a Igreja de Fátima.


A Procissão foi se expandindo a cada ano e hoje é conhecida como Procissão das Velas e é um marco na história da Paróquia e é considerada uma das maiores Procissões de nossa cidade, com a participação de milhares de devotos da Virgem de Fátima.

O trajeto da Procissão das velas é o seguinte:
Saída do Santuário de Fátima
Rua Antonio Barreto
Av. Alcindo Cacela
Rua Domingos Marreiros
Tv. Castelo Branco
Rua Boaventura da Silva
Av. Duque de Caxias
Chegada na Praça do Santuário de Fátima

quinta-feira, 12 de maio de 2011

Sagração episcopal de Dom Teodoro Mendes Tavares



Foi ordenado bispo no dia 08/05/11, o Monsenhor Teodoro Mendes Tavares, na localiade de Quebra Cabela/Cruz do Papa, Praia, Ilha de Santiago, Cabo Verde. O sagrante principal foi Dom Alberto Taveira Correia, Arcebispo de Belém do Pará e os co-sagrantes foram Dom Paulino Évora, primeiro Bispo cabo-verdiano (ordenado em 1975), e Dom Arlindo Furtado, bispo de Santiago, o segundo bispo cabo-verdiano, e o primeiro a ser ordenado em Cabo Verde, no mesmo lugar onde o Papa Joao Paulo II celebrou a Missa em Cabo Verde.



Concelebraram a Cerimônia, 6 bispos, cerca de 40 padres e 2 diáconos (um brasileiro e um caboverdiano). A celebração durou cerca de 4 horas, e foi transmitida pela Radio e Televisao de Cabo Verde, e ainda via internet pelo site www.tcv.cv . Foi notório o envolvimento de centenas de pessoas e dezenas de entidades que se dispuseram a colaborar com a diocese e com os padres espiritanos para que tudo corresse bem antes, durante e depois do evento. Um especial reconhecimento foi feito à paróquia de Nossa Senhora do Socorro, ilha de Santiago, em cujo ambiente decorreu a celebração.

Quando em fevereiro deste ano, chegou o anúncio da grande notícia que o Papa Bento XVI havia escolhido o Pe Teodoro para ser Bispo Auxiliar da Arquidiocese de Belém do Pará (Brasil), começou uma movimentação no sentido de fazer da ordenação episcopal um momento de participação, solidariedade e comunhão eclesial. E foi o que aconteceu.

Segundo Dom Alberto, desde a primeira hora ele se alegrou com a decisão do Pe.Teodoro vir ser ordenado na sua terra natal e providências foram tomadas para que padres e leigos viessem participar no ato da ordenação. Para os dois países, Cabo Verde e Brasil, essa Ordenação tem um significado histórico: pela primeira vez um sacerdote africano é nomeado bispo no Brasil.


Uma comitiva de 22 pessoas – padres, bispos e fiéis-leigos, vieram de Belém, tomar parte neste evento marcante para a sociedade e para a Igreja de Cabo Verde. Apesar de um sol muito forte, cerca de 9 mil pessoas estiveram presentes, das paróquias das cidades e das zonas rurais e, das ilhas e da diáspora, motivados por um ato raro no nosso país.

No fim da Missa, Dom Teodoro, numa mensagem de quase 30 minutos falou da sua vocação, da missão e dos desafios da Igreja, mencionou a missão evangelizadorsa dos Padres Espiritanos em Cabo Verde, muitas vezes em condiçoes precárias. Referiu-se ao trabalho a nível da Educação e da saúde na dignificação da pessoa humana. Citou o exemplo do padre Crettraz que o batizou em S. Miguel Arcanjo. Falou da missão que o levou ao Brasil. Agradeceu a Dom Alberto pelo acolhimento, a Dom Paulino “por grandes coisas que fez por ele”, aos formadores e colegas, às pessoas em geral. Entidades e organizações foram agradecidas por terem colocado juntos os esforços que resultaram numa celebração muito edificante. Agradeceu os membros do Governo e autoridades políticas e da sociedade civil presentes e no fim pediu a benção para Cabo Verde e para o Brasil. "Vou partir e levo vocês no coraçao, com saudades", disse o mais novo bispo caboverdiano que está disposto a "ir cumprir o mandato missionário de levar a Boa notícia”.

Sacerdote espiritano, há 17 anos missionário na Amazônia, Brasil, Dom Teodoro foi bem acolhido pelo clero da diocese e pelo Arcebispo Metropolitano Dom Alberto Taveira Correia, que o veio ordenar, acompanhado do Arcebispo Emérito de Belém do Pará, Dom Vicente Zico.



Matéria retirada do Blogger dos Servidores do Altar da Arquidiocese de Belém/PA
Fonte da Reportagem: Site da Diocese de Santiago (Cabo Verde)

sexta-feira, 6 de maio de 2011

Santuário de Fátima completa 21 anos de inauguração.



Neste ano de 2011, o Santuário dedicado a N. Sra. de Fátima está completando 21 anos de inauguração. O idealizador da construção do Santuário de Fátima foi o Remo. Pe. Antonio Moraes Oliveira, que foi pároco por duas vezes da Paróquia de Fátima.
O Pe. Antonio assumiu a Paróquia de Fátima pela 1ª vez em 1981, sendo que como o 1º templo dedicado a N. Sra. de Fátima, que era localizado na Tv. Antonio Baena, ao lado do Colégio São Paulo, já não era o suficiente para abrigar a grande demanda de fiéis que crescia a cada dia e logo seria necessário construir um novo templo. Hoje neste local onde outrora foi a 1ª Igreja de Fátima, foi erguido o Centro de Evangelização de Fátima (CEFAT), pelo Revmo. Pe. José Maria Ribeiro, que foi o idealizador do mesmo, e atualmente também foi construído no mesmo prédio, na parte do térreo, o Salão Fátima Recepções & Eventos e Capela do Sagrado Coração de Jesus ,já na 2ª gestão do Pe. Antonio Oliveira.



Em 1982 iniciavam-se as negociações para a aquisição do terreno localizado na bifurcação da Av. Duque de Caxias com a Rua Antonio Barreto, pertencentes a Prefeitura de Belém para a construção do Santuário de Fátima, sendo o local ideal para erguer um grande templo, tal como a devoção a N. Sra. de Fátima na comunidade. No dia 03 de abril de 1985 foi feita a doação definitiva do do terreno, e em 1986 foi lançada a pedra fundamental para a construção do Santuário. As obras se arrastaram com grande dificuldades, entretanto a colaboração e o trabalho ardoroso dos fiéis e da Comunidade Luso-Brasileira fizeram que um sonho se tornasse realidade: Na Festividade de N. Sra. de Fátima do ano de 1990, no dia 06 de maio, com a presença de um grande número de fiéis e autoridades, foi inaugurado o Santuário de Fátima, um sonho acalentado durante nove anos pela comunidade.



Ficam aqui os nossos eternos agradecimentos aos benfeitores e colaboradores da construção deste Santuário dedicado a Mãe de Deus, N. Sra. de Fátima.



Obs.: Somente para informação,a Capela do Sagrado Coração de Jesus foi erguida exatamente no local onde outrora foi a 1ª Igreja de Fátima.

terça-feira, 3 de maio de 2011

João Paulo II é beatificado diante de 1 milhão de fiéis


***Cerimônia destacou dotes intelectuais, morais e espirituais do pontífice.
João Paulo II morreu em 2005, aos 84 anos, após 27 anos de pontificado.***


Em uma cerimônia solene na presença de mais de 1 milhão de pessoas que lotaram a praça de São Pedro, segundo a polícia romana, o Papa Bento XVI proclamou beato o seu antecessor, João Paulo II (1920-2005), neste domingo (1º).

A cerimônia teve início às 10 horas no horário local (5h de Brasília), pelo papa e outros 800 sacerdotes presentes. Com um cálice e mitra que foram usados nos últimos anos de pontificado de João Paulo II e com uma vestimenta que também pertenceu a seu antecessor, Bento XVI abriu a cerimônia com uma saudação em latim, que foi traduzida simultaneamente em espanhol, francês, português, francês, inglês, alemão e polonês pela Rádio Vaticano.


Retrato de João Paulo II é exposto na fachada da basílica de São Pedro, no Vaticano, durante cermônia (Foto: Andrew Medichini / AP)

Um cardeal leu um texto sobre a vida do pontífice, morto em 2005, após 27 anos de papado. Foram destacadas virtudes de João Paulo II, como seus dotes intelectuais, morais e espirituais.

Após a leitura, ocorreu o principal momento da cerimônia, em que foi descerrado um retrato de João Paulo II, a partir de então denominado beato. "Concedemos que o venerado servo de Deus João Paulo II, Papa, seja de agora em diante chamado beato", proclamou Bento XVI.

A data escolhida para a veneração do papa foi 22 de outubro, dia da primeira missa do seu pontificado.

Muitos aplausos e gritos de "Santo subito" (Santo já), como no dia do funeral de João Paulo II, foram ouvidos na praça, repleta de pessoas que exibiam bandeiras de muitos países, entre elas a polonesa e a brasileira.

A freira francesa irmã Marie Simon-Pierre Normand - cuja a cura do mal de Parkinson, a mesma doença degenerativa do papa, em junho de 2005, é tida como a primeira graça de João Paulo II- levou ao altar uma ampola contendo sangue do Papa, enquanto outra religiosa que o acompanhou durante o papado, levou algumas de suas relíquias.

O Papa polonês, nomeado Sumo Pontífice em 1978, faleceu em 2 de abril de 2005 aos 84 anos.

A beatificação é a etapa anterior à canonização e aconteceu em tempo recorde.

Desde as primeiras horas da madrugada milhares de fiéis, entre eles poloneses, espanhóis, italianos, franceses e latino-americanos, fizeram fila para entrar no local.


Fieis se aglomeram na Via da Conciliação, em Roma, à espera da cerimônia de beatificação de João Paulo II na praça de São Pedro(Foto: Mario Laporta / AFP)


Os primeiros que entraram fizeram-no na adjacente Via da Conciliação e durante a madrugada se abriram as entradas à Praça de São Pedro.
O idioma que mais se escutava era o polonês, já que milhares deles assistem à beatificação do primeiro papa polonês da história.

A beatificação de João Paulo II é uma das maiores da história da Igreja, já que, segundo o governador regional de Roma, Giuseppe Pecoraro, assistem mais de um milhão de pessoas.

Também é um evento histórico sem precedentes, já que nos últimos mil anos da Igreja Católica nenhum papa proclamou seu antecessor como beato, como ocorrerá neste domingo.

Vigília
Em uma noite que lembrava as grandes vigílias presididas por João Paulo II, cerca de 200 mil pessoas se reuniram neste sábado no Circo Máximo de Roma para homenagear o papa Karol Wojtyla, que neste domingo será proclamado beato.

"Ele já era santo em vida", afirmou emocionado Joaquín Navarro Valls, o espanhol que durante 22 anos foi seu porta-voz e que neste sábado, ao lado do antigo secretário particular Stanislaw Dziwisz, homenageou Wojtyla junto a dezenas de milhares de fiéis de vários países.

Fiéis se reuniram no Circo Máximo de Roma para homenagear o Papa que neste domingo será beatificado (Foto: Antonio Calanni/ AP Foto)

A vigília começou com um vídeo do ano 2000 de João Paulo II durante a Jornada Mundial da Juventude de Roma e prosseguiu com o canto de "Jesus Christ you are my life", interpretado pelo Coro de da Diocese de Roma e da Orquestra do Conservatório de Santa Cecilia

Em seguida, foi feita uma conexão com cinco santuários aos quais o papa era muito ligado: o de Nossa Senhora de Guadalupe, no México; Fátima em Portugal; Lagniewniki na Polônia, Kawekamo-Bugando na Tanzânia e Notre Dame do Líbano.

"Se vê, se sente, o papa está presente", cantaram os milhares de fiéis reunidos no santuário mexicano.

A vigília foi dividida em duas partes. A primeira, a "Celebração da Memória", começou com uma procissão de 30 jovens romanos com tochas que homenagearam a imagem de Maria Salus Populi Romani, a patrona de Roma, presente no ato, seguida pelos discursos de Navarro Valls, Marie Simon Pierre e Dziwisz.

A segunda parte foi a "Celebração dos Mistérios Luminosos do Santo Rosário", que foram introduzidos por João Paulo II durante seu Pontificado. O rosário foi recitado em conexão direta com os santuários aos quais Wojtyla era relacionado.

Em Guadalupe as orações foram pela esperança e a paz dos povos, em Fátima, pela Igreja; em Lagniewniki, pelos jovens; em Kawekamo-Bugando, pela família; e em Notre Dame do Líbano, pela evangelização.


Fonte: http://g1.globo.com/mundo/noticia/2011/05/beatificacao-de-joao-paulo-ii-e-passo-anterior-santificacao

ROMARIA MOTO-RODOVIÁRIA - FESTIVIDADE DE FÁTIMA 2011



Romaria Moto-Rodoviária
Dia: 08 de maio de 2011
Hora: 8h30
Saída do Centro de Evangelização de Fátima rumo ao Grêmio Literário Recreativo Português.

ROMARIA DA JUVENTUDE - FESTIVIDADE DE FÁTIMA 2011


Romaria da Juventude
Dia: 07 de maio de 2011
Hora: 16h00
Saída do Centro de Evangelização de Fátima (CEFAT)

Procissão abre Festividade de Fátima 2011

Cerca de três mil pessoas participaram, ontem à noite, da procissão de abertura da festividade em honra à Nossa Senhora de Fátima, promovida todos os anos no bairro que leva o nome da santa, em Belém. Os fiéis percorreram dois quilômetros conduzindo o andor com a imagem da santa, enfeitado com rosas coloridas. O percurso cumprido em uma hora, encerrou no Santuário de Fátima, onde foi celebrada missa pelo pároco monsenhor Cid da Mata. A programação conta com a celebração de missas diárias no santuário, além do arraial que comercializa comidas e oferece um parque de diversão até o próximo dia 15. O ponto alto da festividade será a Procissão das Velas, que acontecerá no próximo dia 12, a partir das 19 horas.


Segundo o monsenhor Cid, a festividade de Nossa Senhora de Fátima acontece todos os anos, desde a origem da paróquia, no ano de 1967, e foi intensificada com a construção do Santuário, que completa 21 anos. 'A Procissão das Velas acontece em Belém à noite, como em Portugal. Os romeiros carregam velas que iluminam as ruas', descreve. A expectativa deste ano é que 300 mil fiéis participem da Procissão das Velas. Em mensagem aos católicos, o pároco falou da esperança e da alegria de realizar mais uma festividade de Fátima e desejou que os filhos de Maria alcancem a paz, a saúde e a felicidade.


A festividade acontece todos os anos, desde a origem da paróquia, em 1967


A procissão de abertura da festividade contou com o apoio de 100 guardas de Fátima e de agentes da Companhia de Transporte de Belém (Ctbel), que organizaram o trânsito e a caminhada durante o percurso, que iniciou no Centro de Evangelização de Fátima, na Tv Antônio Baena, às 18 horas. Os fiéis seguiram pela Av. Romulo Maiorana, Tv Humaitá, Visconde de Inhaúma, Curuzu e entraram na avenida Duque de Caxias, onde a imagem foi conduzida até o palco armado em frente ao Santuário para a celebração da missa.

O diretor da festividade, Benedito Macedo, destaca que, este ano, a programação foi enriquecida com a Romaria dos Jovens, que acontecerá no próximo dia 7, às 16 horas. Já no dia 8, haverá a Romaria das Crianças, às 7h30 da manhã, e a Romaria Moto-Rodoviária, às 8h30. E, no dia 13, a imagem de Nossa Senhora de Fátima será coroada no Colégio santa Rosa. As missas acontecerão diariamente no Santuário em vários horários, na média de quatro por dia.




Fonte: O Liberal - http://www.orm.com.br/
Fotos: Ray Nonato
Edição de 02/05/11

Nossa Área de Jurisdição Paroquial

Nossa Área de Jurisdição Paroquial

Nosso Sistema

Nosso Sistema

Seja Dizimista de nossa Paróquia!

Seja Dizimista de nossa Paróquia!